DeAmazônia

MENU
Atualizado em 13/09/2019

Batalhão Ambiental apreende 4 toneladas de pirarucu na Panair, em Manaus

Material apreendido será doado para instituições filantrópicas de Manaus.

Batalhão Ambiental apreende 4 toneladas de pirarucu na Panair, em Manaus Um homem comercializando o pirarucu foi preso. Foto

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por meio do Comando de Policiamento Ambiental, apreendeu na manhã desta quinta-feira (12/09) quatro toneladas de pescado ilegal no terminal pesqueiro na feira da Panair, bairro Educandos, zona sul. Durante a ação, um homem de 48 anos foi preso e confessou que estava comercializando o pirarucu no local. O material apreendido será doado para instituições filantrópicas de Manaus.

 

Conforme o capitão Rozival Batista, os policiais militares realizavam fiscalização de rotina quando avistaram uma embarcação retirando mantas de pirarucu do porão. De imediato, a guarnição realizou a abordagem e constatou que o homem não tinha autorização do material.

 

“A equipe fez a retirada do pescado da embarcação, apreendemos o material, conduzimos o proprietário para a delegacia, onde ele vai responder pelo crime. Em depoimento o suspeito disse que sabia que estava fazendo pesca ilegal”, informou.

 

O capitão disse ainda que a maioria das apreensões realizadas pelo batalhão decorre de denúncias feitas para o telefone (92) 98842-1553.

 

De acordo com a delegada Carla Biaggi, titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente (Dema), o proprietário da embarcação foi autuado em flagrante pelo crime de pesca ilegal, onde a pena varia de um a três anos de prisão.  Uma fiança foi arbitrada, o suspeito pagou e foi liberado. O homem vai responder pelo crime na Justiça.

Sobe Catracas

RUI MACHADO, artista plástico

Recebeu comenda da Ordem do Mérito Legislativo da Aleam, em reconhecimento por trabalho com coisas da Amazônia

Desce Catracas

RONALDO TABOSA, vereador de Manaus

Pela quarta vez, teve mandato cassado pelo TRE/AM, dessa vez, por infidelidade partidária com o PP