DeAmazônia

MENU
Atualizado em 08/09/2019

Gás de cozinha sofre novo reajuste de 3,8%

Aumento começa a valer a partir deste domingo (08/9), após feriado de 7 de setembro

Gás de cozinha sofre novo reajuste de 3,8% (Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília)

Às vésperas do feriado de 7 de setembro, o reajuste anual no preço do Gás de cozinha, é confirmado pelo Sindicato dos Revendedores de Gás GLP da Paraíba.

 

O aumento de 3,8 % aplicado pelas distribuidoras, corresponde ao repasse dos custos referentes ao dissídio coletivo da categoria, acrescido dos insumos e impostos federais.

 

Com isso, o botijão de 13 quilos do gás de cozinha, que vem sendo comercializado em média a R$ 65, passará a custar ao consumidor R$ 70 à vista, com possibilidade do preço chegar aos R$ 75 para compras a prazo.

 

O presidente do Sinregás-PB, Marcos Antônio Bezerra informou que o aumento é relativo a uma redução que foi repassada aos consumidores em junho. “Em junho, a Petrobrás autorizou uma redução de R$ 2,14 no preço do botijão de gás de cozinha, mas as distribuidoras não repassaram o desconto. Assim como o consumidor final, nós revendedores fomos também prejudicados, porque a redução do preço que foi anunciada pela Petrobrás não foi aplicada pelas distribuidoras e o valor não sofreu nenhuma alteração”, explicou.

Sobe Catracas

RAFAEL BARBOSA, defensor público geral do Amazonas

Recebeu medalha Ruy Araújo, mais alta comenda da Aleam, e em agradecimento, nomeou o 18º defensor aprovado no concurso da DPE-AM

Desce Catracas

ALFREDO MENEZES, superintendente da Suframa

Amigo do presidente, ZFM tem sofrido fulminantes ataques do governo Bolsonaro, o que mostra desprestígio dele no cargo