DeAmazônia

MENU
Atualizado em 06/09/2019

Wilson Lima participa do desfile cívico no Sambódromo, em Manaus

Desfile contou com mais de 50 escolas do Estado; durante o evento, governador destacou a proteção à floresta amazônica

Wilson Lima participa do desfile cívico no Sambódromo, em Manaus Governador Wilson Lima participa do desfile cívico escolar no Sambódromo (Fotos: Bruno Zanardo/Secom)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Cerca de 15 mil alunos da rede pública do Estado participaram, nesta quinta-feira (05/09), no Sambódromo, zona centro-oeste de Manaus, do tradicional desfile cívico escolar. Durante a atividade, promovida pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc- AM), o governador Wilson Lima lembrou a importância da data para o Amazonas que, há 169 anos, foi elevado à categoria de província.
 
 
“É essencial a lembrança desta data em respeito àqueles que contribuíram e, em muitos casos, deram a própria vida para que chegássemos a essa condição de independência. O que o Governo faz, hoje, é trabalhar para que a gente garanta e amplie essa independência”, afirmou o governador.
 
 
Wilson Lima destacou ainda o tema 'Amazônia: soberania, fraternidade e paz' para conduzir as comemorações da Semana da Pátria e do Amazonas.
 
 
“Os olhos estão voltados para a Amazônia e há muitas falas a respeito da proteção das nossas florestas. Temos que lembrar a importância de preservar, também, o povo que está aqui e o respeito que tem que ser dado ao cidadão que vive na Amazônia. Se, hoje, o Amazonas está com 97% dos seus recursos preservados é porque a população daqui assim o faz”, concluiu Wilson Lima.
 

Desfile

Ao todo, mais de 50 unidades de ensino das sete coordenadorias distritais (CD) de Manaus e do interior do Estado desfilaram pelo Centro de Convenções e contou com a presença de representantes de instituições como Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Corpo de Bombeiros do Amazonas (CBAM), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (Ifam), além de entidades como Abrigo Moacyr Alves, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).
 
 
 
 O secretário em exercício da Seduc-AM, Luís Fabian Barbosa, ressaltou o papel dos estudantes do Amazonas na tradicional cerimônia, que este ano reuniu, também, alunos do interior do Estado.
 
 
“Todos os anos trabalhamos nas escolas a importância da data para o nosso povo e, hoje, estamos aqui para mais uma vez comemorar a independência no Estado junto dos nossos estudantes que são o futuro do Amazonas”, disse Luís Fabian.
 
 
Para Aida Greice, diretora da Escola Estadual Manoel Marçal de Araújo, que atende crianças com deficiências múltiplas, a participação no evento cívico ajuda os alunos no desenvolvimento dentro da unidade de ensino.  
 
 
“É muito importante que eles se sintam participativos e isso ajuda muito a divulgar o trabalho da escola. Eles gostam muito de participar e contribui no trabalho dentro da escola”, afirma a gestora.
 
 
Pela primeira vez no desfile, a Pré-Escola Creche Infante Tiradentes (Pecit) levou 200 crianças para a avenida.
 
 
“A Pecit tem 32 anos de existência e é a nossa primeira participação. Então estamos muito emocionados e nos preparamos, como as outras escolas, as crianças vão entrar vibrando, cantando ‘Fibra de Herói’”, disse a tenente coronel Rejane Filgueiras.
 

Estudantes

Joel Victor, de 16 anos, desfilou pela segunda vez pelo Comando Preparatório Militar.
 
 
“O que eu estou sentindo é muita alegria, não tenho palavras para explicar o que eu estou sentindo, participando do meu segundo desfile, pelo segundo ano consecutivo”, disse.  
 
 
 
Estudante da Escola Estadual José Carlos Mestrinho, Rosielle Correa, 14, também está acostumada com a emoção de desfilar pelo Sambódromo durante a Semana da Pátria. Esta é a terceira vez que a jovem do 9º ano participa.
 
 
“Quando desfilei pela primeira vez, aqui, senti muitos calafrios e nervosismo, mas agora já estou mais acostumada. É um sentimento muito bom de respeito, honra pela pátria e dedicação”, pontuou Rosielle.
 
 
Ela aproveitou a oportunidade para elogiar a escolha do tema ‘Amazônia: soberania, fraternidade e paz’. “Acho importante chamar essa atenção para a Amazônia, porque ela não é importante apenas para a gente, amazonenses. Ela é essencial para todo o mundo e, por isso, temos que ser mais cautelosos”, finalizou.
 
 

Sobe Catracas

JUNIOR 'ORELHA', lutador de jiu-jitsu

Atleta parintinense conquistou medalha de ouro no Campeonato Europeu Jiu–Jitsu Championship 2020, em Portugal

Desce Catracas

CHICO ALFAIA, prefeito de Óbidos (PA)

MPF vai investigar prefeito por suposto desvio de recursos federais, repassados ao município pelo Ministério da Integração Nacional