DeAmazônia

MENU
Atualizado em 04/09/2019

Arthur Neto inaugura Centro de Atendimento ao Turista na Ponta Negra

CAT Ponta Negra vai levar todo tipo de informação aos visitantes não só sobre o local, mas também sobre toda a cidade.

Arthur Neto inaugura Centro de Atendimento ao Turista na Ponta Negra inauguração do CAT Ponta Negra ocorreu nesta quarta (4).

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Um dos mais importantes pontos turísticos da cidade, o Complexo Turístico Ponta Negra, na zona Oeste da cidade, que recebe um grande número de turistas todos os dias, acaba de ganhar um Centro de Atendimento que vai levar todo tipo de informação aos visitantes não só sobre o local, mas também sobre toda a cidade. “Nós estamos infraestruturando a cidade para que ela possa responder às inquietações e expectativas de seus turistas”, afirmou o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, durante a inauguração do CAT Ponta Negra, na manhã desta quarta-feira, 4/9.

 

cat 2

 

Além deste CAT Ponta Negra, a prefeitura já mantém outra unidade funcionando no Mercado Municipal Adolpho Lisboa e, em parceria com o governo do Estado, no Aeroporto Eduardo Gomes. Outra unidade está sendo construída no centro da cidade, no Pavilhão Universal. “Aqui na Ponta Negra nós temos uma obra singela, mas funcional, para se compor com o restante da paisagem da Ponta Negra”, destacou o prefeito.

 

Arthur lembrou que essa dotação de infraestrutura para atender o turista faz parte das políticas públicas do município para transformar o turismo em fonte de recursos para a cidade de Manaus, complementar à Zona Franca. “Nós temos lutado muito por isso nesses últimos anos. Manaus está preparada, está limpa, está estruturada. Manaus está forte e bonita para receber os turistas”, afirmou.

 

O Centro de Atendimento ao Turista do Complexo Turístico Ponta Negra tem desenho arquitetônico minimalista, de inspirações regionais e faz parte da requalificação permanente do complexo, implementada nesta gestão. Localizado na orla da Ponta Negra, o CAT foi elaborado e executado pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb). A proposta arquitetônica trabalha com o conceito de transparência e integração com a paisagem do entorno e vai facilitar o acesso a informações e atrações da capital e do Estado.

 

“O centro foi pensado desde a sua concepção. A sua localização permite a iluminação natural, ventilação e integração com o ambiente do parque. Como o prefeito destaca, o Complexo Turístico Ponta Negra é muito bem ordenado, muito organizado e limpo que atrai não sai não só o turista como a população”, afirmou o diretor-presidente do Implurb, Cláudio Guenka.

 

Os Centros de Atendimento aos Turistas são muito comuns em grandes cidades e metrópoles mundo afora e fazem parte de um sistema e da cadeia produtiva do turismo que visa proporcionar conforto e segurança na informação precisa e de fonte oficial.

 

“O que é muito importante destacar é que a Prefeitura de Manaus vem, constantemente, investindo na infraestrutura de turismo. Então tivemos a revitalização Centro Histórico, que até dezembro vai ganhar um CAT, no Pavilhão Universal, e está entregando um CAT aqui na Ponta Negra, na zona Oeste. Tudo isso é Manaus demonstrando sua capacidade em investir para o turismo da cidade”, destacou o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula.

 

Operação de turismo

O CAT vai proporcionar um conforto extra a turistas e visitantes de passagem pela capital e pelo ponto turístico que associa praia e belezas naturais de Manaus, a Ponta Negra. Estagiários das faculdades de Turismo da cidade vão trabalharno local, sob supervisão da Manauscult. O CAT é multifuncional, proporcionando informações desde gastronômicas até hospedagem, passando por passeios e, em algumas situações, com tradução bilíngue, em inglês e espanhol, ampliando o acolhimento ao turista.

Sobe Catracas

ANDERSON SOUSA, prefeito de Rio Preto da Eva

Tribunal Regional Federal, 1ª Região, anulou sentença que condenava ele à cassação por suposto desvio de recursos federais

Desce Catracas

HENDERSON PINTO, ex-presidente da Câmara de Santarém (PA)

Pagou mais de R$ 100 mil para empresa envolvida na Perfuga, por aluguel de carros, e é acusado de fraude em licitação de veículos