DeAmazônia

MENU
Atualizado em 02/09/2019

Veja o que funciona nos serviços públicos no feriado prolongado

Confira o horário de funcionamento dos serviços de saúde, educação, segurança e cultura em Manaus

Veja o que funciona nos serviços públicos no feriado prolongado Hospital Delphina Aziz, em Manaus.

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Com os feriados de Elevação do Amazonas à Categoria de Província, nesta quinta-feira (05/09), Independência do Brasil, no sábado (07/09) e ponto facultativo decretado pelo Governo do Estado, na sexta-feira (06/09), alguns dos serviços e atendimentos terão horário diferenciado. Confira:

 

Saúde

As 26 unidades de urgência e emergência da rede estadual de saúde em Manaus funcionarão normalmente, em plantão de 24 horas, entre os dias de 5 e 8 de setembro. Estarão funcionando os sete prontos-socorros, incluindo os infantis, as sete maternidades, os SPAs, as duas Unidades de Pronto Atendimento (UPA), além do serviço de emergência do Centro Psiquiátrico Eduardo Ribeiro.

 

Os SPAs e UPAs possuem infraestrutura para o atendimento de urgências e emergências de baixa complexidade, como mal estar súbito, cefaleia (dor de cabeça), dores, vômitos, entre outros. Os casos mais graves devem ser encaminhados para os prontos-socorros, enquanto as maternidades ofertarão o atendimento às mulheres gestantes.

 

Nas unidades que atendem serviços ambulatoriais agendados como o Centro de Atenção à Melhor Idade (CAIMI), Centro de Atenção Integral à Criança (CAIC), policlínicas e hospitais das fundações, não haverá atendimento externo no feriado prolongado.  O funcionamento destes serviços será retomado na segunda-feira (09/09), a partir das 7h.

 

Educação

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-AM) informa que a partir do dia 5 de setembro não haverá expediente nas escolas da rede pública do Estado.

 

A suspensão ocorre por conta das festividades da Semana da Pátria, que teve início na segunda-feira (02/09) e continuará até o dia 7 de setembro (sábado), quando comemora-se o Dia da Independência. As aulas retornam na próxima segunda-feira (09/09).

 

Segurança

Na Polícia Civil, os Distritos Integrados de Polícia (DIPs), que funcionam como Centrais de Flagrantes e que funcionam em regime de 24 horas, contarão com reforços de mais investigadores e escrivães entre os dias 5 e 8 de setembro.

 

As delegacias especializadas que estarão de plantão receberão reforço durante os quatro dias. São elas: a Delegacia Especializada em Crimes contra a Mulher (DECCM), onde funciona o plantão de vulneráveis, situada no bairro Parque 10, na zona centro-sul da capital; a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI), situada no bairro Alvorada, na zona centro-oeste da cidade; a Delegacia de Proteção à Criança e Adolescente (Depca), localizada no conjunto Morada do Sol, bairro Aleixo, zona centro-sul da capital; e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), situada no bairro Jorge Teixeira, na zona leste da capital.

 

Também receberão reforço as unidades ondem funcionam plantões para registro de ocorrência, sendo elas o 9º DIP, localizado na primeira etapa do bairro São José, na zona leste da capital; o 10º DIP, situado na segunda etapa do bairro Alvorada, na zona centro-oeste da cidade; a Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), no bairro Planalto, zona centro-oeste da capital; e a Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), no bairro Alvorada, também na zona-centro oeste

 

O corpo de Bombeiros segue normalmente com o reforço na prevenção aquática na praia da Ponta Negra, na zona oeste da capital. 

 

Cultura

A Secretaria de Estado de Cultura (SEC) informa que os espaços culturais administrados pela pasta terão horários de funcionamento diferenciados de 5 a 8 de setembro. Confira:

 

- Teatro Amazonas: Na quinta-feira (05/09), o Teatro Amazonas abre para visitação das 9h às 14h, e para o show “Margem”, da cantora Adriana Calcanhoto, às 20h. Na sexta-feira (06/09), a visitação segue no mesmo horário, e às 20h acontecerá o espetáculo de dança “Mithus”, com entrada gratuita. No sábado, a visitação será das 9h às 17h, e o “Concerto da Independência”, com a Amazonas Filarmônica, às 20h, com entrada gratuita. No domingo (08/09), o teatro estará fechado para visitação, mas abrirá para o “Concerto Didático”, às 11h; e para o espetáculo “Violão em coro”, às 19h. A entrada é gratuita.

 

- Centros Culturais: Na quinta-feira (05/09), o Centro Cultural Palácio da Justiça abrirá para visitação das 9h às 14h. O Centro Cultural Palácio Rio Negro não funcionará. Na sexta-feira (06/09), o Centro Cultural Palácio Rio Negro abrirá para visitação das 9h às 14h e o Centro Cultural Palácio da Justiça não funcionará. No sábado (07/09), os dois centros funcionarão para visitação das 9h às 14h. No domingo (08/09), o Palácio da Justiça abrirá somente para o evento “Recital Canções”, das 11h às 12h, com entrada gratuita.  O Centro Cultural Palácio Rio Negro não funcionará.

 

Os centros culturais Usina Chaminé e Povos da Amazônia não abrirão no período do feriado.

 

- Museus: Os museus administrados pela SEC não abrirão na quinta-feira (05/09). Nos demais dias, funcionarão em horário normal: Palacete Provincial abrirá das 9h às 17h na sexta-feira, e das 9h às 14h no sábado e no domingo; Museu Casa Eduardo Ribeiro das 9h às 14h, na sexta e no sábado; e Museu do Seringal das 9h às 15h30. O Museu do Homem do Norte, que fica localizado no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, não funcionará no período do feriado.  

 

- Galerias: A Galeria do Largo e a Casa das Artes, ambos no entorno do Largo de São Sebastião, só terão alteração de horário nos dias 05/09 e 07/09, quando funcionarão das 15h às 19h. Nos demais dias abrirão normalmente, das 14h às 20h.

 

- Bibliotecas: As Bibliotecas da SEC não abrirão no período do feriado prolongado (05 a 08/09).

Sobe Catracas

RUI MACHADO, artista plástico

Recebeu comenda da Ordem do Mérito Legislativo da Aleam, em reconhecimento por trabalho com coisas da Amazônia

Desce Catracas

RONALDO TABOSA, vereador de Manaus

Pela quarta vez, teve mandato cassado pelo TRE/AM, dessa vez, por infidelidade partidária com o PP