Domingo, 09 de agosto de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 05/07/2019

Seaster e Prefeitura de Santarém capacitam conselheiros tutelares de 13 municípios

Profissionais foram apresentados ao Sistema Sipia que vai permitir acessar histórico dos atendimentos de crianças e adolescentes

Seaster e Prefeitura de Santarém capacitam conselheiros tutelares de 13 municípios Capacitação ocorreu no período 25 a 28 de junho e de 01 a 04 de julho. (Foto: Divulgação)

DEAMAZÔNIA SANTARÉM, AM - Conselheiros tutelares de treze municípios do Baixo Amazonas participaram de um curso sobre o Sistema Sipia (Sistema de Informação para Infância e Adolescência). Quinze profissionais de Santarém e demais de outros municípios passaram pela capacitação que ocorreu no período de 25 a 28 de junho e de 01 a 04 de julho no laboratório de Informática do Instituto de Ensino Superior (Iespes). Houve entrega de certificado e coquetel.

 

O curso foi realizado pela Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho Emprego e Renda (Seaster) com apoio da Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) voltado para os Conselheiros Tutelares de Santarém, Belterra, Mojuí dos Campos, Alenquer, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Curuá, Faro, Juruti, Placas, Prainha e Terra Santa.

 

A proposta foi instrumentalizar os Conselheiros Tutelares no uso do Sistema Sipia subsidiando a implementação de políticas efetivas em defesa de crianças e adolescentes. "O Sipia é um sistema nacional no qual os conselheiros tutelares registram informações de atendimentos de crianças e adolescentes para que todos tenham acesso a essas informações e passa também por avaliação do Ministério dos Direitos Humanos. O Sipia vem acrescentar essa melhora no trabalho do Conselheiro Tutelar no município em que trabalha. Para os conselheiros é um ganho muito grande, pois permite visibilidade ao trabalho deles", destacou a coordenadora Técnica do Sipia Lidia Rodrigues.

 

A psicóloga técnica da Seaster Fabiane Araújo levou além das informações sobre o Sistema, orientações sobre a prática da função de conselheiro e sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). "O Sipia vem para somar, o Conselheiro Tutelar precisa estudar mais sobre o ECA, sobre a real função desempenhada por um conselheiro tutelar e sobre sua vivência, como funciona um conselho, como deve ser o atendimento nos casos de violações de crianças e adolescentes. Essa capacitação traz esse diálogo, mesmo não fazendo parte do programa de implantação do Sipia. No primeiro dia conversamos sobre os conselhos tutelares, função e sobre o ECA. Foi gratificante para nós conhecer o trabalho de cada um e também para eles aprenderem um pouco mais."

 

O Conselheiro Tutelar Maik Miranda foi um dos participantes. "Esse sistema veio para somar, ele é integrado e levará informações de forma nacional para conhecimento da rede de atendimento as violações do nosso trabalho no dia a dia. Recebermos essa qualificação e termos esse acesso ao Sistema Sipia foi um grande avanço."

 

A Secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito, que foi a Belém na Seaster solicitar a capacitação e implantação do Sipia para os Conselheiros Tutelares da região, avaliou que foi um importante a implantação da ferramenta que gerará dados para conhecimento nacional. "Estamos sempre buscando o melhor para que os Conselhos estejam aptos a desenvolver suas funções com qualidade a cada dia. Hoje, os três Conselhos Tutelares de Santarém estão melhor equipados com veículos, lanchas e também equipamentos e agora estão também sendo inseridos nesse Sistema que dará maior visibilidade ao trabalho realizado diariamente. É sempre importante a realização dessas capacitações. Assim, quem ganha é a população."

 

 

Para a presidente do Comdca, Roselene Andrade, o sistema vai otimizar o trabalho dos conselheiros tutelares. "Além de gerar as estatísticas e diagnóstico da situação de violação de direitos da criança e do adolescente dentro do município, o sistema também permite fazer um histórico de atendimento. Qualquer conselheiro tutelar que acessar o sistema vai poder verificar quem atendeu aquela criança, qual é o histórico e quais os procedimentos que foram adotados."

 

Sobe Catracas

BOSCO SARAIVA, deputado federal (AM)

Foi nomeado pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, membro do Grupo de debate sobre pauta ambiental para o Brasil

Desce Catracas

NATHAN MACENA, prefeito do Careiro

Convidou toda a população para festa de inauguração de Centro de Covid e evento foi barrado pelo TCE, por infringir regras de prevenção