DeAmazônia

MENU
Atualizado em 07/06/2019

Dona Onete é atração nacional da Virada Sustentável Manaus 2019

Cantora paraense se apresenta dia 27 de julho; confira a programação completa do evento

Dona Onete é atração nacional da Virada Sustentável Manaus 2019 Cantora Dona Onete. Foto: divulgação

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A cantora e compositora paraense Dona Onete, a diva do carimbó “chamegado” que mistura brega, bolero e samba, foi anunciada como a atração nacional da Virada Sustentável Manaus 2019, o maior festival de sustentabilidade da América Latina, que vai acontecer nos dias 26, 27 e 28 de julho com centenas de atividades gratuitas em todas as zonas de Manaus. A programação oficial do evento foi lançada hoje, no Parque do Mindu.

 

Essa será a primeira vez que a Virada Sustentável terá uma atração nacional. O show da Dona Onete promete reunir fãs da artista numa apresentação focada no último álbum dela, o “Rebujo”.

 

O lançamento da Virada  Sustentável Manaus 2019 aconteceu com a presença do secretário de Estado de Cultura, Marcos Apolo Muniz, do secretário de Estado de Meio Ambiente, Eduardo Taveira, do diretor do Parque do Mindu, José Feitosa da Silva, do superintendente da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), Virgílio Viana, além de representantes de mais de 40 organizações da sociedade civil que ajudam a organizar o festival.

 

"A sociedade perdeu sua conexão com a natureza. A Virada vem trazer a mudança, fazer repensar, fazer um alerta, uma chamada para a população, bem como conectar as instituições que tem o propósito de melhorar o mundo. Os mais de 800 voluntários inscritos em apenas três dias demonstra que a sociedade está sedenta de oportunidades de participar, de fazer algo", enfatizou Virgílio Viana durante a cerimônia.

 

A proposta da Virada Sustentável Manaus é aumentar o engajamento da sociedade para a melhoria da cidade, utilizando atividades lúdicas e inspiradoras como ferramenta. Mais de 800 voluntários estarão envolvidos na mobilização.

Novidades

Entre as novidades anunciadas no lançamento, está a inclusão de mais um dia no cronograma do festival, antes realizado ao longo de um fim de semana. "Agregamos a sexta-feira como um dia dedicado à disseminação de conteúdo, com a realização de atividades como palestras, debates, rodas de conversa, exibição de filmes, entre outras", explicou a coordenadora da Virada Sustentável Manaus, Paula Gabriel.

 

Outro destaque desta edição será a abertura do festival, marcada para o dia 25 de julho, no Largo São Sebastião, com apresentação da Amazonas Jazz Band. "Sempre realizamos a abertura no Teatro Amazonas, mas, por conta da limitação de espaço, decidimos levar o evento para o Largo, garantindo que mais pessoas possam participar e ter acesso ao espetáculo" disse Paula.

 

Além do Largo São Sebastião, a Virada Sustentável terá palco com shows e apresentações gratuitas no Monte das Oliveiras, Redenção, Bosque dá Ciência e Shopping Manaus Via Norte.

 

Para integrar a programação cultural, estão abertas inscrições para artistas com projetos que se enquadrem nas modalidades de teatro, dança, tradução em libras, música, grafitti, artes cênicas e artes gráficas. Cada proponente pode se inscrever individualmente ou em grupo, até o dia 10 de junho, no site:  www.viradasustentavel.org.br/manaus.

 

O edital também está aberto para oficineiros, palestrantes, organizações, fundações, movimentos, coletivos, escolas, faculdades e equipamentos culturais que desenvolvem iniciativas relacionadas a pelo menos um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU).

 

A quinta edição da Virada Sustentável Manaus, via Lei de Incentivo à Cultura, tem patrocínio da Uber, Bemol e CMPC, copatrocínio da Liberty Seguros e parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Além disso, possui colaboração da Whirlpool, Votorantim, World Animal Protection, Grupo Martins/IAMAR, Instituto Sabin, Local Hostel Manaus, Local Hostel Figueiredo, Agência Oto e Up Comunicação Inteligente.

 

 É uma correalização do Instituto Virada Sustentável e Fundação Amazonas Sustentável (FAS), e realização Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Pátria Amada Brasil Governo Federal.

Sobe Catracas

ENNIO CANDOTTI, diretor do Museu da Amazônia (Musa)

Professor receberá nesta quarta (21), na Aleam, o Título de Cidadão do Amazonas

Desce Catracas

WLADMIR COSTA, ex-deputado federal

MPF pede cancelamento da concessão de rádio, ligada à ele, acusada de promover o ex-deputado com transmissão irregular de comícios