DeAmazônia

MENU
Atualizado em 09/05/2019

Deputada pede cassação e prisão do presidente da Câmara de Eirunepé suspeito de estupro

O parlamentar teria gravado um vídeo abusando sexualmente de jovem desacordada, em motel; a filmagem vazou nas redes sociais

Deputada pede cassação e prisão do presidente da Câmara de Eirunepé suspeito de estupro Vereador Walter Cuiú, como é conhecido em Eirunepé (Foto: Divulgação)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A presidente da Comissão da Mulher, das Famílias e do Idoso da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB), ocupou a tribuna na Sessão desta quarta-feira (8) de maio, para denunciar um caso que considera gravíssimo: a suspeita de estupro que pesa contra o presidente da Câmara de Vereadores do município de Eirunepé (a 1.160 quilômetros de Manaus), Walter Alexandre de Menezes (PSDB), o Walter Cuiú.

 

O caso veio à tona no mês de abril. Ele teria mantido relações com uma jovem supostamente dopada num motel de Manaus. O vídeo vazou num grupo de Whatsapp e chegou à imprensa, dominando posteriormente o noticiário local e nacional.

 

Segundo Alessandra, o movimento de mulheres de Eirunepé fez manifestações no município contra o vereador.

 

A vice-presidente da Assembleia disse que a Comissão da Mulher vai acompanhar as investigações e cobrar da Justiça uma punição rigorosa. “Ele dopou uma jovem em um motel, filmou e estuprou a jovem. Achando pouco ter feito sexo com a moça desacordada ele mandou [o vídeo] em um grupo de amigos se gabando de ter feito sexo com essa moça. Se esse vereador não sabe, isso é estupro”, denunciou Alessandra.

 

A deputada enfatizou que não vai medir esforços para que a ocorrência não passe impune. Alessandra disse o caso já foi denunciado à polícia e que também já foi iniciado um processo de cassação na Câmara Municipal de Eirunepé. “Eu espero que esse homem seja cassado, senhores deputados, mas não só que ele seja cassado: que ele seja preso. Nós estamos acompanhando esse caso na Comissão da Mulher e nós vamos solicitar ao Ministério Púbico que peça a prisão desse homem imediatamente, até por uma questão de segurança pública porque ele está causando uma grande revolta na cidade”, afirmou a presidente da Comissão da Mulher.

 

Convocação

Em aparte, a deputada Joana Darc (PR) sugeriu a convocação do vereador pela Comissão da Mulher para tomada de esclarecimentos sobre o caso. Ela também defendeu a cassação de Walter Cuiú, pois considera que a conduta do vereador não condiz com o cargo público que exerce.

 

Sobe Catracas

YANA GADELHA, lutadora de MMA

Vinda do balé clássico, com apenas 10 meses de treinos, amazonense foi eleita "Revelação do Ano", no prêmio Osvaldo Paquetá, considerado o Oscar do MMA

Desce Catracas

JOCIONE SOUZA, prefeito de Novo Aripuanã

Justiça mandou ele pagar gratificações à professores municipais, atrasadas desde os anos de 2011 e 2012