DeAmazônia

MENU
Atualizado em 22/03/2019

Coordenador do DSEI/PIN e deputado Sidney Leite se reúnem com chefe da Saúde Indígena

Ministério da Saúde propõe passar saúde indígena para as Prefeituras

Coordenador do DSEI/PIN e deputado Sidney Leite se reúnem com chefe da Saúde Indígena Coordenador do DSEI/PIN e deputado Sidney Leite se reúnem com chefe da Saúde Indígena, Marco Toccolini

POR CAYO DIAS

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O coordenador do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI/Parintins), José Augusto, se reuniu na quarta-feira (20), com o Secretário Especial de Saúde Indígena, Marco Antônio Toccolini, para tratar sobre a atuação da saúde indígena na área de abrangência do distrito em Parintins.

 

A reunião que teve a participação do deputado federal Sidney Leite (PSD-AM), discutiu assuntos como a municipalização da saúde indígena, onde o deputado se colocou contra. “Se depender de mim, essa municipalização proposta pelo Ministério da Saúde não vai passar na Câmara Federal”, defendeu Sidney.

 

Logo ao assumir no atual governo, o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, anunciou que o atual modelo da saúde indígena deverá ser revisto. Uma das propostas é a municipalização, isto é, deixar sob responsabilidade direta das Prefeituras o atendimento à população indígena.

 

José Augusto explica que atualmente existe um subsistema da saúde indígena que oferece atendimento diferenciado e que fica a cargo das Secretarias Especiais de Saúde Indígena (SESAI).

 

Para o coordenador essa participação do deputado Sidney Leite é de fundamental importância, para conhecer de perto como funciona a Saúde Indígena. “ Nós trabalhamos encima do que podemos e o Sidney conheceu as principais dificuldades que enfrentamos, além de poder dar algumas sugestões para o aprimoramento do serviço, por ser grande conhecedor da causa Indígena no Amazonas”, destacou o coordenador.

Sobe Catracas

CAROL ALVES, fisiculturista

Atleta amazonense conquistou 4º lugar no Campeonato Internacional de Fisiculturismo Toronto Pro Show, no Canadá

Desce Catracas

NIVALDO AQUINO, presidente da Câmara de Óbidos (PA)

Ele e outro vereador foram denunciados no MPPA por serem os mandantes de perfuração de poços clandestinos, sem licença ambiental