DeAmazônia

MENU
Atualizado em 14/03/2019

TCE-AM abre turmas para treinar o envio da prestação de contas

Serão abertas quatro turmas para gestores e servidores dos 354 órgãos do Estado; 20 gestores já entregaram a prestação de contas

TCE-AM abre turmas para treinar o envio da prestação de contas TCE-AM abre quatro turmas de curso para gestores e servidores (Foto: Divulgação/TCE-AM)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A duas semanas do prazo final para o envio das prestações de contas anual, por meio eletrônico, ao Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), a Escola de Contas Públicas (ECP) abre, na próxima semana, quatro turmas para treinar o envio das mesmas por meio do sistema E-Contas.

 

O curso é voltado para gestores e servidores dos 354 órgãos da administração direta e indireta do governo do Estado, da Prefeitura de Manaus, das Câmaras Municipais e Prefeituras, responsáveis de informar como foi usado o dinheiro público.

 

Até a manhã desta quinta-feira, 20 órgãos já haviam enviado a prestação de contas ao TCE. O prazo termina às 23h59 do dia 31 de março. Quem enviar após o dia 1º de abril será automaticamente multado em R$ 2,2 mil no julgamento da prestação de contas.

 

O servidor responsável em enviar a prestação ao TCE pode escolher uma das turmas oferecidas pela ECP nos dias 18, 19, 20 e 21. O curso terá duração de três horas e acontecerá no laboratório de informática da Escola de Contas. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site https://moodle.tce.am.gov.br/

 

Vale ressaltar que todos os gestores públicos dos órgãos/entidades fiscalizados pelo TCE-AM são obrigados a enviar, obrigatoriamente pela internet,a prestação de Contas Anual para apreciação, auditoria e o julgamento pela Corte.

 

Vinte gestores já entregaram a prestação de contas

Até a manhã desta quinta-feira (14/03), haviam enviado a prestação ao TCE 12 câmaras municipais (Anori, Benjamin Constant, Beruri, Boca do Acre, Careiro da Várzea, Codajás, Envira, Itacoatiara, Manaquiri, Maués, Novo Aripuanã e Santo Antônio do Içá); três prefeituras (Amaturá, Boca do Acre e Canutama); três fundos de previdência (Benjamin Constant, Itacoatiara e Presidente Figueiredo), o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte de Itacoatiara e o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Presidente Figueiredo (SAAE).

 

São esperadas até o dia 31 de março outras 334 prestações de contas. Na prestação, o gestor informa ao TCE como usou o dinheiro público durante o ano de 2018. As informações servem de base para as auditorias que iniciam no final do mês de maio.

 

O cidadão pode acompanhar pelo link https://econtas.tce.am.gov.br/eContas/pages/relatorio_PCA.jsf se o gestor já encaminhou a prestação de contas ao TCE e, assim, já cumpriu com o dever constitucional de prestar contas do dinheiro público.

Sobe Catracas

UÁLAME MACHADO, secretário de Segurança Pública do Pará

Polícia desvendou em cinco dias chacina ocorrida em Belém, no domingo (19), que resultou na morte de 11 pessoas

Desce Catracas

AFRÂNIO PEREIRA JUNIOR, major da PM aposentado

Secretário de Articulação Política do prefeito de Manacapuru, Beto D'Ângelo, agrediu com socos e chutes, moradores que protestavam por ruas esburacadas