DeAmazônia

MENU
Atualizado em 14/11/2017

Brasil poderá proibir uso de celular no trabalho, com direito a punições

Segundo o deputado, funcionários perdem a atenção durante expediente por conta do uso privado do celular

Brasil poderá proibir uso de celular no trabalho, com direito a punições Advertências, suspensões ou até mesmo demissão por justa causa são alguns exemplos do que pode ser infringido ao funcionário. Foto: reprodução internet

projeto de lei nº 9066/2017 de autoria do deputado federal Heuler Cruvinel (PSD/GO) visa proibir celulares em ambiente de trabalho, bem como propor punições para o uso. Única exceção seria para funcionários que usam os aparelhos com propósitos específicos de trabalho.

 

"Na atual realidade a questão tempo e produção de excelência é o ponto alto nas relações profissionais do dia a dia, porém assistimos todos os dias a falta de atenção de funcionários em razão do uso privado do telefone celular", argumenta o deputado.

 

De acordo com o jornal 'O Globo', o projeto também propõem certas punições para o empregado que não seguir a regra. Advertências, suspensões ou até mesmo demissão por justa causa são alguns exemplos do que pode ser infringido ao funcionário.

 

 

Sobe Catracas

BOSCO SARAIVA, secretário de Segurança Pública do AM

Em pouco mais de um mês, operações integradas vem reduzindo criminalidade em Manaus

Sobe Catracas

WANDERLEY ANDRADE, cantor

Artista paraense recebe nesta quarta-feira (22),  na ALE/AM, o Título de Cidadão do Amazonas, de autoria do deputado Sinésio Campos

Desce Catracas

HERIVANIO SEIXAS, prefeito de Humiatá

Prefeito não recebeu caravana de deputados que percorre BR 319, no Sul do Amazonas, e desapareceu da cidade

Desce Catracas

ANDERSON SOUSA, prefeito de Rio Preto da Eva

Mesmo justificando que município está em crise, enviou Lei a Câmara para população pagar conta de água mais cara com aumento de 73%

BASTIDORES